Destaques:


Acompanha-nos no facebook: www.facebook.com/clubejpp | NOVO ÁLBUM DIA 20 NOVEMBRO

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Concerto Santarém [Foto Reportagem]

Classificado Monumento Nacional, mas em ruínas desde o século XIX e encerrado depois do incêndio de 1940, o monumento teve de ser objecto de uma limpeza, de alguns melhoramentos e do acondicionamento de algumas pedras de elementos arquitectónicos que se encontravam ali depositadas.


Edificado extramuros do antigo burgo escalabitano, o convento franciscano da cidade de Santarém é uma obra de iniciativa régia e inscreve-se no universo da arte gótica.

Reabrindo de novo este ano para as comemorações do 10 de Junho.

Foi então neste divinal convento que o Clube Renascença realizou a sua Festa de Natal no dia 12 de Dezembro, nesta belíssima cidade histórica.


O espectáculo teve início às 22:30H, começou com a Banda Jota, cantando música da igreja, visto ser uma festa Natalícia, bem como a RR ser a Emissora Católica Portuguesa.


A sala estava cheia, e foi por volta das 23:00H que chegou o grande e esperado momento da noite, João Pedro Pais sobe ao palco, “Olhando as Cores do Céu, com estrelas a brilhar“, foi a música escolhida para dar inicio ao concerto “Ciúmes da Lua”, e foi procurando a noite, ”Perdido” que conseguiu pôr os fãs a cantar, esta música que já tem 10 anos, parecendo mesmo um “Palco de Feras”, e foi assim “Trocando as Voltas do Tempo” com a música “Até Nunca Mais” continuando o concerto, todos com a “A Palma e a Mão” no ar isto “Mais Que Uma Vez” queríamos isto “Sempre Hoje” foi outra dos temas do alinhamento escolhido pelo grande João, parecendo mesmo “Um Resto de Tudo”.



“Não Há” tanta cumplicidade como se viu entre o João e os seus músicos e foi entre canções que o João foi agradecendo tanto à Rádio Renascença como a toda a gente que gosta de o ouvir, chegando a dizer que foi abençoado pela sorte, que nunca levou o que faz a sério, que faz por puro prazer, sabendo de onde veio e para onde vai.


A música que tinha escolhido para finalizar o concerto era “Um Volto Já”, mas foi “Mentira” porque o público pediu mais uma música e foi aí que tudo se levantou em grande para cantar “Ninguém é de Ninguém” e foi então com muita “Paciência “ que tudo parecia estar louco, “Louco por Ti” João.



E foi já a passar poucos minutos da meia-noite e meia que o concerto chegou ao fim com o público ao rubro ouvindo “Nada de Nada”.


Texto: Liliana França e Alípio Ramos
Fotos: Márcio Ribeiro

3 comentários:

Anónimo disse...

Bom dia amigos!
Parabens pela vossa nova "reporter"!
A foto reportagem esta um espectaculo, fabuloso!

Ana disse...

Parabéns Liliana e Márcio. Fantástica reportagem, adorei imenso.

Beijinho

Tiago Crespo disse...

Olá a todos. Aproveito em primeiro lugar para vos dar os parabens por este fantastico blogue.
Depois quero dizer que já fui a varios concertos do João Pedro Pais e cada um é diferente do outro. Eu estive no coliseu de Lisboa naquele grande concerto, mas acreditem que este em Santarém está no top dos melhores concertos que este fantástico músico já deu.
Mas um grande músico tem sempre por trás uma grande banda e grandes técnicos e neste concerto de Santarém o que teve grande destaque foi o técnico de luzes. Toda aquela envolvência intimista teve uma maior ênfase com a disposição e com toda a envolvência das luzes.

Prabéns João e parabéns a todos os que fazem com que ele tenha uma grande carreira.

Tiago Crespo